Mangaba

 

Nome Científico: Hancornia speciosa, família das Apocináceas. 
Origem: Encontrado do Nordeste (caatinga) a São Paulo (região de Cerrado), incluindo região Centro Oeste do país. Encontrada na região litorânea e algumas regiões do Pará e vale do Rio Tabajós (Amazônia), em vários tipos de formações florestais.


É utilizada na forma de polpa, sorvetes, geléias, sucos, doces, compotas, vinho e vinagre. Apresenta sabor característico, polpa encorpada. Devido à alta viscosidade de sua polpa, um uso importante é na forma de sorvete, de ótimo sabor. Na medicina popular, o chá das folhas é utilizado contra cólica menstrual. O látex é empregado contra tuberculose, úlceras e herpes. É rico em látex, que pode ser utilizado para a produção de borracha. Utiliza-se a madeira para usos gerais, lenha e ornamental. É considerada melífera e forrageira. Os frutos são colhidos entre outubro e janeiro, dependendo da região, e pesam 30 a 260 g, podendo cada árvore produzir de 100 a 400 frutos.Os frutos são obtidos predominantemente de forma extrativa em áreas de mata nativa, pela população local, na região do Cerrado. No Nordeste, por outro lado, existem iniciativas de produção comercial da mangaba.

Tel: 011-3664-7976            

  • Twitter Basic
  • Facebook Basic
  • Instagram Basic